domingo, setembro 28, 2014

DOMINGO, 28 de setembro de 2014

FELIZ ANIVERSÁRIO !







Hoje é dia de  dizer vivas ao amigo  querido Manoel de Freitas Neto, ou simplesmente Neto da EMATER ou Neto de Portalegre como ele, preferencialmente, se autodefine.  

   Neto é um amigo que conquistei em 2001, a partir da nossa convivência profissional, quando ele, mesmo sem me conhecer de perto,  me convidou para  ser sua auxiliar, numa área que requer sobretudo confiança: assessoria de imprensa,  na sua primeira gestão como Prefeito do meu município; Portalegre. 

A foto está para àquem da  data de hoje, mas  a escolhi porque tem uma história,  o começo do nosso trabalho juntos e de uma amizade que se consolida a cada ano.

   Parabéns, Manoel de Freitas!  E que venham muitos outros 28 anos pela frente, afinal é essa a idade que você está completando hoje, não é ? E a  tem desde que o conheci, não muda nunca, mesmo com os anos se passando. 

Saúde, serenidade, sabedoria e vitórias sempre, amado. Um grande abraço!

segunda-feira, setembro 15, 2014

Noite de segunda-feira, 15 de setembro de 2014

AÉRCIO...

...de Lima, portalegrense como ele só, abre o mais bonito programa eleitoral da candidata ao Senado, Fátima Bezerra, logo com Lula.  Parabéns, Aércio.


https://www.youtube.com/watch?v=q_mjr1tGHDE



ONTEM...

...o espaço  de lazer mais portalegrense, pelo menos para mim, a nossa Bica, foi entregue à população com algumas reformas e ampliação, particularmente do restaurante.

 Desde 2003, quando foi construído, o Terminal Turístico da Bica não passava por nenhuma melhoria e/ou ampliação. E quando eu criticava a falta de ações para a continuidade do crescimento turístico de Portalegre me acusavam  de  perseguição à gestão paralítica de Euclides Pereira.

     E tudo que a Bica  ganhou nos últimos anos, com ele Prefeito, foi uma placa com um poema de um portalegrense, além do nome de "Vicente Damião",  esse último, inclusive  numa homenagem ilegal, à época, proposta por um vereador cujo discurso é de legalidade,  e aprovada pelos demais, se não por ignorância, por desrespeito  a uma lei Federal, ou ainda fruto de uma candidatura única, com tudo junto e misturado, onde ninguém discutia nada, muito menos legalidade.  



RESPEITO

  Se Lei Federal fosse respeitada em Portalegre, e nos demais municípios desse Brasil,  muitos dos nomes que estão em escolas, praças e outros patrimônios públicos, alguns inclusive justos, teriam que ser retirados, porque  são de pessoas vivas. 
     Como se sabe, no Brasil  é preciso morrer  primeiro para ser homenageado depois. Então, para quem quiser  uma placa, é só morrer e esperar  um vivo lembrar.



EMBORA QUE...

... tem gente que nem morto, merece  ter o nome em lugar nenhum. Nem mesmo num beco. 

DEFESA

... com isso não quero dizer que sou contra as  homenagens, apenas estou relatando uma  característica do país, embora mesmo defendendo que elas aconteçam para cidadãos e cidadãs em vida, que o mérito da homenagem, seja ela qual for, tenha o mínimo de critério.  



PARECE...

...que os bacuraus do Riacho da Cruz não conseguem "se aninhar"  no palanque dos bicudos.  É a querela local, presente noss demais municípios,  em alianças onde o  povo  "se junta, mas não se mistura", particularmente  nesse  projeto macro  do PMDB e DEM do RN, na eleição estadual para Governador.

   Primeiro: o DEM, quase morto nacionalmente e que precisa de  uma sobrevida,  está no papel de barganhar, seja a eleição de seus candidatos legislativos, sejam cargos no futuro,  afinal  foi isso que causou a união de ferrenhos e históricos adversários como Agripino e Henrique; o toma lá, dá cá.

Segundo: Henrique não tem ideologia, tem projeto pessoal de vencer e se tornar Governador. Portanto, para ele é:  que venham todos os votos e  de todas as cores.

      Terceiro:  Se o deputado Getúlio Rêgo disse, em palanque, que o filho teria um cargo  no Governo, por isso o seu apoio à Henrique, no caso de vitória do "BICURAU", conforme noticiou o blogueiro André Alexandre,  não sei porque o espanto. 
Afinal, quem com o mínimo de "massa cinzenta"  pode pensar que apoio, sobretudo de adversário, vem por ideologia ou por  pensar no povo ?



O QUE...

...essa parcela da população, que ainda vive a política do verde e do vermelho, do bicudo e do bacurau  precisa entender é  que somentes eles, enquanto eleitores,  ainda votam por cor e tem um único tom, porque os políticos já estão matizados, faz tempooooooooooooo. E isso vale para o Estado e para o Brasil todo. 
  
  Acorda  minha gente!!!!!!!!!!!!!!!


ERA SÓ ...

... o que faltava: D. Wilma Faria (PSB) chorando  para comover o eleitor potiguar, ante o crescimento de Fátima Bezerra (PT), na  eleição para o Senado. 
    
É muito dissimulada! D. Wilma, quem devia chorar, particularmente, eram  os portalegrenses por tudo que a Senhora  prometeu, enquanto Governadora,   ao município e não fez.  Por termos um dos maiores patrimônios históricos desse Estado, a nossa Casa de Câmara & Cadeia, abandonada quando foi repassada ao Estado para ser  restaurada, na sua Gestão.

 Pelas AIH"s da Maternidade Dr. Antonio Martins reduzidas a menos da metade, quando a Senhora  para atender aos  seus aliados políticos locais, da época, cortou-as,  deixando à mingua  a população que dependia daquela Unidade de Saúde para atendimento.

Quem deveria chorar era todo o RN, antes as denúncias de desvio de dinheiro público no seu Governo, e por tantas coisas mais... 

Nos poupe desse teatro.



WILMA SEGUE A RISCA SCRIPT DE MARINA E CHORA NO PROGRAMA ELEITORAL


SETEMBRO 15, 2014 CARLOS A. BARBOSA
Sintomático, muito sintomático. O programa eleitoral da candidata ao Senado, vice-prefeita de Natal, Wilma de Faria (PSB), na noite desta segunda-feira apelou para o emocional.


Na hora em que todas as pesquisas de intenção de voto dão ela atrás da sua principal concorrente, a deputada federal Fátima Bezerra (PT), o marketing da guerreira decide colocar ela chorando no vídeo e dizendo que sofre injustiças, falando até das acusações que pesam sobre o seu filho Lauro Maia.

Como em política vale tudo, numa hora de desespero e faltando 20 dias para o pleito, o marketing eleitoral apela logo para o emocional do eleitor que já está vacinado contra esse tipo de coisa.

Wilma seguiu a risca Marina Silva, sua candidata à Presidência da República que chorou por Lula ter criticado ela. Se a moda pega, sei não!

http://blogdobarbosa.jor.br/?p=94485#sthash.nPkqGRMq.7RjlAVcx.dpuf



CRESCE...

...mais Fátima, para o RN ter uma senadora de verdade.

sábado, setembro 13, 2014

Domingo, 14 de setembro de 2014





INFELIZMENTE...

...acredito que em Portalegre/RN  não tem internet com boa velocidade  para  que se possa assistir ao vídeo sem interrupções, mas mesmo com as paradinhas de  carregamento, vale a pena o sacrifício.  Vejam









terça-feira, setembro 09, 2014

TERÇA-FEIRA, 09 DE SETEMBRO DE 2014

PROMETI...

... que hoje falaríamos de política, mas como saí tarde da reunião do condomínio, não me senti disposta, ontem à noite, para a analisar minuciosamente todas as falas  dos oradores do último domingo, quando o DEM fez o seu comício em Portalegre. 
   Mas como ouvi a  fala do "líder" (primeiro os líderes, é claro) posso tecer alguns comentários.



É ...

...certo que  as palavras de José Augusto, como ele é muito previsível, não trouxeram novidades. As contradições  que lhe são inerentes politicamente sempre marcam a sua oratória. Senti falta dos ataques que  são uma marca registrada.



TENTANDO...

...justificar o seu "meia volta vou vê", com relação ao apoio ao candidato Henrique Alves,  o ex-Vereador, pela forma que coloca,  demonstra que   tem sua gente e o deputado Getúlio tem a dele (ou seja o DEM portalegrense tem correntes partidárias internas) disse que NÃO foi ao apartamento de Henrique,  Henrique é que foi ao apartamento do deputado Getúlio Rêgo, EXCLUSIVAMENTE, para falar com  o ex-vereador. 
  
 Diante dessa "afirmativa, percebe-se que o ex-vereador é de uma importância sem medidas. Imagina se não tivesse perdido quatro eleições municipais seguidas, para prefeito? Certamente que  Henrique teria que vir, em busca do seu apoio, no mínimo,  de joelhos.

    Disse que ponderou, mostrou  a Henrique que estendeu a mão ao PMDB, e disse que não tem como seguí-lo  em parceria com o ex-prefeito, e o atual prefeito e blá bla blá...
    

EM SEGUIDA...

...parece até que respondendo a indagação que fiz, nesse blog,  sobre a veracidade ou não do  seu encontro  com o candidato Henrique, visto que nem um retratinho 3x4 o  ex-vereador tinha publicado sobre a tal conversa, ficou interessante o fato de primeiro ele dizer que ponderou, mostrou sua dificuldade e tal...e em seguida, se dirigindo a Felipe Maia diz: Na primeira vez eu NÃO conversei com Henrique. 

 " Ô promessa sem jeito..."


CERTEZA

  Sem  a "fotinha" 3x4 e pela contradição da oratória, precisa  mais o quê ?


PASSAGEM CUSCUZ 

   Para tentar convencer "seu povo" a votar  em Felipe Maia de novo,  José Augusto começou "pelas beiras" e pelo que não existe, e como ele sempre pede que alguém testemunhe o que fala, parece até que  com medo de que não lhes acreditem, resgatou  uma ida a Brasília, onde levou acompanhando-o,  o portalegrense Cirios Vanucci. 

  Aproveitou o momento e de dedo esticado,  pelo vídeo suponho que em direção  ao correligionário Cirios, que deveria está na platéia, fez questão de repetir, como já havia feito na rádio, que PAGOU a passagem de  Cirios. 

   Cada vez que escuto ele frisar isso, indago o  porquê de tanta deselegância em público, como o rapaz. E me lembro do discurso de Amanda Gurgel com relação a merenda que os professores comiam na escola e que  não podiam comer, o tal CUSCUZ ALEGADO.

     Só espero que Cirios Vanucci  não tenha que ter esse bilhete jogado na cara outras vezes. E que, se tiver, que não saia   o preço.

    Será que ele pagou  mesmo, quero dizer  foi  "cash" (dinheiro)? Não teria sido, pelo menos, resgate de pontos  multiplus, fidelidade, smiles, essas coisas promocionais ? 
     Não tem aí um jeitinho de minimizar esse cuscuz, quero dizer o preço desse bilhete,  não ?
   

FALANDO...

...da falta de obras em Portalegre e citando os demais municípios  do entorno  com conjuntos habitacionais construídos, o ex-Vereador bem que poderia ter dito que a maioria desses conjuntos a que ele se refere, certamente não vieram de ações da Governadora do seu Partido, Rosalba Ciarlini. 
   Devem ter sidofeitos com recursos federais, Governo do PT.


E POR FALAR...

...em PT,  não ouvi o ex-vereador, que declarou "apoio" a Fátima Bezerra, falar o  nome  da candidata ao Senado,   durante o seu discurso. 
 Pelo visto,o voto vermelho de Zé Augusto,  se houver mesmo, será somente no vermelho pintado de Henrique. Coisa que eu só acreditaria vendo.


MAS...

...deve ter sido por respeito a Felipe Maia, que certamente vota em  Wilma de Faria para senadora, que ele não falou na "sua candidata" Fátima Bezerra. Só pode ter sido isso, porque por medo é que não foi. Omissão para não ofender o filho do líder maior, que odeia o PT, afinal ele já tinha sido deselegante com Cirios,  não ia ser com o Deputado. 


PELA...

...primeira vez desejei que ainda votassémos à moda antiga, com  aquelas cédulas onde se escreveria nome e número, assim seria  muito fácil   analisar a votação. 
 Saberíamos onde estaríam os  votos nulos e brancos para o governo e senado. Se nas cédulas  com os votos para os candidatos ao legistivo estadual e federal do DEM ou do PMDB. 


E...

... com relação a campanha presidencial, ao que parece o DEM  está como Henrique Alves, não pede voto para Presidente, pelo menos não ouvi nenhuma fala do candidato que vai "se mudar" para o Rio Grande do Norte, se vencer, sobre em quem vota para Presidente. Talvez com a vinda de Michel Temmer,  do seu partido, as coisas mudem.

  Também não escutei  do "líder" portalegrense  nenhuma referência a Aécio Neves, candidato com quem ele aparece abraçado em uma foto  grande ( nada de retratinho 3x4), e cujo coordenador de campanha é o senador José Agripino, seu  comandante, tampouco para a "songa monga" da nova velha política. 
   Nem falo na candidata Dilma,  porque seria até um despautério da minha parte, pensar na possibilidade do "líder" municipal do DEM portalegrense votar   em Dilma.


Do discurso a filosofia que o respalda

"Nenhum mentiroso tem uma memória suficientemente boa para ser um mentiroso de êxito."
                                   Abraham Lincoln










segunda-feira, setembro 08, 2014

Segunda-feira, 08 de setembro de 2014

ACORDEI...


    ...numa hora para além da habitual numa segunda-feira, especialmente se não tenho ressaca, já que não bebo. Pela janela o  dia se mostrava  chuvoso e sem brilho. Como de costume ligo o telefone para vê  a hora e se tem recados, pois tenho como hábito desligá-lo ao deitar.

Dentre as mensagens,  uma particularmente inesperada, a notícia do desencarne de D. Totó Viana, na verdade Antonia, mas a cultura portalegrense a "batizou" assim, os apelidos são a forma carinhosa da nossa gente tratar o outro. Lourdinha Marinho, com o carinho de quem me tem como mais uma pessoa da família, dada boa parte da minha vida na sua casa e da amizade conservada até hoje, se encarregou de avisar.

Então aí percebi porque o dia estava opaco e a luz havia permanecido por cima das nuvens, o brilho do plano espiritual pediu emprestado um pouco mais de luz  do sol para receber Totó Viana. E a gente, num primeiro momento fica sem cor, sem luz e até sem compreensão ante os fatos.

Todavia na inspiração da alma, no reflexo de que a vida não é estanque, recobramos a fé e pensamos que apenas o corpo se vai. Aí nos confortamos numa prece  e  agradecemos a Deus, pela bondade  em conduzir até a nossa verdadeira morada, os nossos entes queridos sem que tenha imposto dor e sofrimento  nos quais nos sentiríamos impotententes e atordoados sem poder fazer nada.  

   A morte nada mais é que  a mudança de lado, a outra margem da vida. E que fiquemos em paz, sem sofrimento e/ou egoismo, pois  a nossa tristeza não pode ser maior  que a alegria de Seu Xixico, de Helena e de todos os outros que comemoram a chegada  dessa grande mulher para estar com eles. 

    Francisca, minha amiga querida, Lourdinha, Goreti, Heleni, Francinete, Margarida, Terezinha, François, César, Fernando,Toinho, João e Dudu meu abraço  carinhoso,  extensivo aos demais familiares e amigos.


       D. Totó, não vou te dizer que siga em paz, porque sei que a Senhora já está em paz,  na paz do  mundo maior. 



SENTIDO


    Semana passada conversava com Francisca Marinho ao telefone, falávamos de um "grande encontro", entre  eu, ela e Ivete Paiva, para podermos rir relembrando os doces e inesquecíveis momentos da infância e adolescência, vividos juntas.  

    E ela em meio a conversa dizia que não poderia mais adiar a vinda por aqui, pois precisava vê a mãe, e programava isso para novembro.

 No dia seguinte, ela me deixa um novo recado; "Amiga já  comprei passagem, estou indo na terça-feira que vem, dia 02". Aí eu pensei: Menos de 24 horas e os planos mudaram, e  todo o resto que ela tinha pra fazer antes de vir, até novembro, perdeu a importância para ela,  prevalescendo a   sua necessidade de antecipar a viagem.

      E esses "insights" que temos,  como o de Francisca,  são os recados  do mundo maior de que a hora é agora, o momento é esse. 
   E hoje, ao lê a mensagem de Lourdinha sobre a partida de D. Totó, lembrei que  certamente  a providência divina  ouvia a minha conversa com Francisca,  e ante os planos dela, para novembro, lhe alertou: Vá vê a sua mãe agora, em setembro,  pois a primavera está chegando e ela  vem adornar  os jardins do céu.  





















quarta-feira, setembro 03, 2014

Quarta-feira,03 de setembro de 2014

CONFESSO...

... que ontem me descobri popular,   visto que alguns pessoas, e amigos também que sabem da minha origem  me ligaram para  falar sobre a participação do prefeito de Portalegre, Manoel de Freitas (Neto da EMATER), no programa eleitoral do candidato  Henrique Alves.  



FIQUEI...

...surpresa e intrigada, porque não entendi como um candidato como Henrique Alves, que teria dito (conforme afirmou o líder José Augusto, do segundo partido de Portalegre), que  não tem compromisso com Neto da EMATER, aceitaria o depoimento dele no seu programa  eleitoral ?

Quem "diacho" chamou o prefeito, se ele nem do PMDB é ? 



AGORA...

...vamos esperar  o depoimento de apoio do "líder" do DEM de Portalegre, José Augusto,  no mesmo programa, e certamente com maior espaço de tempo,  afinal o ex-vereador assumiu compromisso com  Henrique, segundo ele,   por várias razões, e dentre elas  o fato do candidato  ao Governo não ter compromisso com o Prefeito de Portalegre, seu arqui-adversário no âmbito municipal, conforme publicado em alguns blogs. 

  Então se pressupõe que: Se os descompromissados de Henrique tiveram espaço na propaganda eleitoral gratuita, imagina  aqueles com quem Henrique teria se comprometido. 

 Sendo assim, se já vimos  Mané, agora vamos  vê o Zé.


DIVERSÃO

E o espetáculo continua.


E POR...

...falar em espetáculo, a última peça em cartaz, com o título "Acredita?"  é a declaração de voto do líder-liderado José Augusto, em  Fátima Bezerra,  para o Senado. 

 Será que o Senador José Agripino já soube disso ? 
 Será que o mesmo, ou os mesmos processos, não reverterão essa declaração ?

  Será que Fátima acreditou ?
                









segunda-feira, setembro 01, 2014

Segunda-feira, 01 de setembro de 2014



MARINA e...

...o  preconceito, a homofobia, a  contradição. 

Refém  da sua assembléia, que para mim não é de Deus, porque nunca soube que Deus fosse homofóbico,   Marina da Silva, segundo divulgado na imprensa, obediente a pastores  sobretudo a Silas Malafaia, recuou no que se refere ao posicionamento sobre união de pessoas do mesmo sexo.

FICO...

...pensando sobre o que será dos meus amigos, amigas, parentes em particular, e de todos os brasileiros homossexuais, caso Marina e a sua trupe que discursa  dizendo que virão fazer a nova política ( e já se mostram presos mesmo ao que existe de mais  velho na política e na vida)  chegue ao poder. 
 Serão os homossexuais levados à fogueira  para queimar  o "demônio gay" que os habita ?


CONHEÇO...

...pessoas dentro de famílias evangélicas  que são homossexuais. Inclusive acredito que tenham votado em Marina, nas últimas eleições.  Será que votarão de novo ? 
Será que ficarão ao lado de quem condena a sua livre escolha ? 
Marina vai querer o voto dos homossexuais ? De acordo com a sua crença são pessoas "pecadoras", portanto não deveria aceitar,  pode ser contagioso, digo isso porque outro aliado seu, o tal  Feliciano, também evangélico,  defende até a "cura gay".


SABE O...

...que  penso  dessas derivações religiosas, é que a maioria  está lotada de falsos moralistas, alguns com nome de pastores (como se nós fossemos cabras,ovelhas, bodes, carneiros, vacas e touros para sermos pastorados). Em alguns templos, rodam sacolinha, cobram dízimo com percentual mínimo definido, vendem  Deus no varejo e atacado, à vista e a crédito, enriquecem usando o nome de Deus como forma de explorar  a fé alheia e ainda acham que podem falar de  pecado.
    De verdade não sei o que tem Marina, mas de contradição tem muito. 



E...

... sobre as contradições de  Marina, eis um pensamento comum ao meu, com relação a essa candidata, sobretudo às posturas religiosas,  nada melhor que   o texto  abaixo.



Filiado ao PSB contesta conteúdo do “Marina de Verdade”

                                                   por Gustavo Castañon

Candidata Marina Silva, meu nome é Gustavo Castañon. Sou, entre outras coisas, filiado há mais de dez anos ao PSB, partido que hoje a senhora usa para se candidatar, professor na Universidade Federal de Juiz de Fora e um cristão convicto, como acredito que a Senhora também seja, do seu jeito.


Investida de seu eterno papel de vítima, sua campanha lançou um site na internet chamado “Marina de Verdade” (com V maiúsculo mesmo) para combater supostas “mentiras” espalhadas contra a senhora na internet. Vou aqui responder uma a uma as afirmações de seus marqueteiros no site citado, oferecendo os links de fontes das minhas afirmações.

1 – Não Marina, você não sofre preconceito por ser evangélica.

Você é que acredita que todos aqueles que não compartilham de suas crenças queimarão eternamente no fogo do inferno. É o que está claramente descrito no credo (credo 14) de sua agremiação religiosa. Que nome podemos dar a isso? Certamente é um nome mais assustador do que intolerância ou preconceito. Talvez essa seja a origem de seu maniqueísmo, já que separa o mundo entre os bons, que apoiarão seu possível governo, e os maus, que lhe fariam oposição, como eu. O seu problema não é ser protestante. É ser da Assembleia de Deus, associação pentecostal de vários ramos que interpreta literalmente o Antigo Testamento, e que tem entre seus pastores Marcos Felicianoque vende curas a paraplégicos, e Silas Malafaia, este homem que hoje defende da “cura gay” à teologia da prosperidade e vende bênçãos de Deus. Eu me pergunto: o que alguém que faz parte de uma organização que faz comércio com a palavra de Cristo é capaz de fazer na vida política? Qual o nível de inteligência que pode possuir alguém que faz interpretações tão rasteiras do significado da Bíblia? Essas são perguntas legítimas que as pessoas se fazem, e não por preconceito, mas por conceito.

2 – Não Marina, o Estado Laico deve intervir nas práticas religiosas quando são fora da lei.

Se uma religião resolve reinstituir o sacrifício de virgens dos Astecas ou a amputação de clitóris comum em alguns países muçulmanos hoje, o estado tem que observar inerte essas práticas em nome da liberdade religiosa e do laicismo? Não, candidata. Nenhuma organização está acima da lei num Estado Laico.

3 – Não Marina, você não é moderna, você é uma fundamentalista mesmo.

O fundamentalismo religioso não é a negação do Estado Laico, essa é só uma espécie de fundamentalismo, o teocrático. O fundamentalismo se caracteriza pela crença de que algum texto ou preceito religioso seja infalível, e deva ser interpretado literalmente, tanto em suas afirmações históricas como comportamentais ou doutrinárias. E o ataque ao Estado Laico pode vir também pela incorporação de leis, que desrespeitem as minorias religiosas ou não religiosas, impondo um valor comportamental de determinada religião a todos os cidadãos. Isso faz da senhora uma fundamentalista (Assembleista) que compartilha das crenças de Feliciano e Malafaia, e uma adversária, se não do Estado Laico, do laicismo que deveria orientar todas as nossas leis, pois defende plebiscitos sobre esses temas para impor a vontade das maiorias religiosas sobre as minorias em questões comportamentais.

4 – Não Marina, você é, sim, contra o casamento gay.

Você agora diz que está sofrendo ataques mentirosos na internet sobre o tema, mas sempre se colocou abertamente contra o casamento entre pessoas do mesmo sexo, defendendo somente a união civil nesse caso. E não adianta simular que o que o movimento gay está reivindicando casamento religioso. O casamento é também uma instituição civil. Você só defende união de bens, sem todos os outros direitos que o casamento confere às pessoas. O vídeo acima e mais esse vídeo aqui provam esse fato de conhecimento público.
PS: Hoje, dia 29/08/2014, ao lançar seu programa de governo, a candidata mudou uma posição defendida por toda vida, faltando um mês para a eleição. Por que?

5 – Realmente Marina, você não é petista.

Você abandonou o partido que ajudou inestimavelmente a construir sua vida política, ao qual você deve todos os mandatos e o único cargo que ocupou até hoje, porque não tinha espaço para sua candidatura à presidência. Hoje, você busca se associar, sem qualquer pudor ou remorso, a inimigos ideológicos históricos do partido, repetindo as práticas que supostamente condena no PT e chama de “velha política”. Só que faz isso somente para chegar ao poder e construindo um projeto oposto àquilo a que defendeu toda a vida.

6 – Realmente Marina, você não é tucana. Mas sua equipe econômica é.

Sua equipe econômica conta com André Lara Resende e Eduardo Giannetti, ex-integrantes da equipe econômica do governo FHC, além de seu coordenador Walter Feldman, que fez toda sua história no PSDB. Suas propostas econômicas são as mesmas do PSDB. Agora, de fato, o que nem o PSDB jamais teve coragem de ter é uma banqueira como porta voz de sua política econômica… Você não quer alianças com governos atuais de nenhuma agremiação, como o de Alckmin, exatamente para manter sua imagem de anti-tudo-o-que-está-aí. Mas não se sente constrangida em ter o vice de Alckmin na coordenação financeira de sua campanha, nem de convidar o “bom” representante de sua “nova política” José Serra para seu governo…

7 – Não Marina. Você defendeu, sim, Marcos Feliciano.

Você afirmou que ele era perseguido na CDH não por causa de suas posições políticas, mas por ser evangélico. Disse que isso era insuflar o preconceito religioso. Não, candidata. Você está falando de seu companheiro de Assembleia de Deus, um homem processado por estelionato, que pede senha de cartão de crédito de seus fiéis, que defende que os gays são doentes e os descendentes de africanos amaldiçoados. Recentemente, esse homem que você afirma ser vítima do mesmo preconceito que você sofreria, afirmou à revista Veja: “Eu não disse que os africanos são todos amaldiçoados. Até porque o continente africano é grande demais. Não tem só negros. A África do Sul tem brancos”. Ao usar essa estratégia de defesa pra ele e para você, você reforça os preconceitos da sociedade e o comportamento de grande parte dos pentecostais de blindar qualquer satanás que clame “Senhor, Senhor” em suas Igrejas.

8 – Não Marina. Você não é só financiada por banqueiros. Eles coordenam seu programa!

Neca Setúbal, herdeira do Itaú, não é só sua doadora como pessoa física. Ela é a coordenadora de seu programa de governo e sua porta-voz, e já declarou que você se comprometeu a dar “independência” (do povo e do governo) ao Banco Central, que fixa os juros que remuneram os rendimentos dela. Da mesma forma, o banqueiro André Lara Resende, um dos responsáveis pelo confisco da poupança na era Collor e assessor especial de FHC, é o formulador de sua política econômica.

9 – Não Marina, você é desagregadora e vilipendia a classe política. Seu governo será o caos.

Você é divisionista e maniqueísta e implodiu meu partido em uma semana de candidatura. Vai deixar seus escombros para trás quando chegar ao poder, como sabemos e já anunciou, para delírio daqueles que criminalizam a política. Seu partido é nanico, e se não o criar com distribuição de cargos, continuará nanico. Com a oposição certa do PT, terá que governar com a mídia e os bancos, que cobrarão o apoio com juros. Precisará do PMDB, que você acusa de fisiologismo, e do PSDB e o DEM, que lhe exigirão não só cargos, empresas públicas e ministérios, mas também a volta das privatizações. A única base congressual que lhe será fiel é a bancada evangélica, que cobrará seu preço com sua pauta de controle dos costumes e seu fisiologismo extremo. Resultado, você vai entregar a alguém o trabalho sujo do fisiologismo ou mergulhará o país no caos.

10 – Não Marina, seu marido foi sim acusado de contrabando de madeira.

E não só isso, foi acusado pelo TCU de doação de madeira clandestina. A senhora usou sua força política de Ministra para impedir que o caso fosse investigado, como sempre fazem na “velha política”. Mais tarde o MP arquivou, como fazem com todas as denúncias contra membros da oposição. Mais uma vez, fato bem comum na “velha política”. Nada é investigado.

11 – Não Marina, Chico Mendes não era da elite. A elite é que o matou.

Em mais uma tergiversação semântica demagógica, num vilipêndio à memória de seu companheiro, a senhora tomou o termo “elite” pelo sentido de elite moral, para acusar de “divisionismo” os que lutam contra a elite econômica brasileira. Essa mesma elite que mantém o Brasil como um dos dez países mais desiguais do mundo e que hoje está acastelada no seu programa de governo e campanha. Seu discurso despolitizante busca mascarar a terrível e perversa divisão de classes no Brasil e é um insulto aos seus ex companheiros de luta. Seu uso demonstra bem à qual elite você serve hoje, e nós dois sabemos que não é à elite moral. A elite moral desse país está lutando contra a elite econômica para diminuir nossa terrível e cruel desigualdade social. E você, Marina, não é mais parte dela.